Rua Onze . Blog

Julho 13 2009

 

VILA FRANCA DE XIRA   10   PARTE CENTRAL

Bilhete postal editado pela Papelaria e Tipografia Paulo Guedes & Saraiva, Rua Áurea, 76 - 80, Lisboa. Primeiro quartel do século XX.

 

© Rua Onze . Blog


Março 30 2009

Cautela de seguro passada em Vila Franca de Xira, a 26 de Outubro de 1817 (note-se que a carta de 1835 reproduzida apresenta o topónimo Vila Franca da Restauração). Nas cautelas originais o escudo heráldico surgia sempre impresso apenas a uma cor, tendo o colorido deste exemplar sido adicionado posteriormente, provavelmente por um particular.

Marca de água no papel: B P.

 

O selo postal foi introduzido em Portugal no dia 1 de Julho de 1853, durante o reinado de D. Maria II (Maria da Glória Joana Carlota Leopoldina da Cruz Francisca Xavier de Paula Isidora Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga, 1819-1853; rainha, 1834-1853), razão pela qual os primeiros exemplares apresentam a efígie da soberana, em relevo. Curiosamente, seguindo uma prática da época que ainda hoje se conserva nos selos ingleses, não apresentavam qualquer indicação do nome do país emissor.

 

Estes primeiros selos, no valor de 5, 25, 50 e 100 reis, vieram alterar o processo de cobrança da circulação postal da correspondência. Com efeito, antes do seu aparecimento, o porte de correio era pago pela pessoa a quem a correspondência se destinava, e não pelo remetente.

 

Em alguns casos, que constituiam excepção na época pré-filatélica, o porte era pago pelo remetente, sendo então aposto nas cartas o carimbo Franca, como se pode constatar no exemplo expedido de Castelo Branco. O porte variava consoante o peso, mas também consoante a distância no interior do país.

 

Tal como hoje, quando o remetente queria assegurar um maior cuidado no tratamento da correspondência procedia ao seu registo, pelo que as cartas recebiam o carimbo Segura (como se pode ver nos exemplos de Lisboa e Vila Franca de Xira), recebendo o expedidor uma cautela semelhante à reproduzida acima.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 08:42

Março 29 2009

 

Carta segura, do Serviço Nacional do Reino, enviada de Vila Franca da Restauração [Vila Franca de Xira] para Aldeia Galega da Merceana, em  15 de Fevereiro de 1835.

Sem indicação de porte.

Marca de água no papel: Al Masso e Gior.º Magnani.

 

© Rua Onze . Blog 


Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...
mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


blogs SAPO