Rua Onze . Blog

Maio 08 2009

 

Xilogravura ōban atribuída a Keisai Eisen (c. 1790-1848).

 

Eisen é particularmente conhecido pelas inúmeras gravuras que reproduzem notáveis paisagens japonesas e retratos de bijin (belezas) do período Edo (1603-1868).

 

Produziu, além disso, diversas gravuras eróticas, shunga, dentro de uma tradição masculina da cultura japonesa que privilegiava a consulta discreta e privada das mesmas, dado que tais gravuras são frequentemente explícitas e hiperbólicas quanto aos atributos masculinos.

 

Contudo, a qualidade da obra de Eisen e a discrição japonesa reflectem-se com maior propriedade em gravuras como esta, onde a conotação sexual é subtilmente sugerida através da braseira, da brasa sob a mesa, das pernas entrecruzadas e do livro aberto interseccionado por outro livro. 

 

Para as pessoas mais distraídas, sublinhe-se ainda a possibilidade de esta expressão japonesa, shunga, poder estar na origem das palavras portuguesas chunga e chungaria, considerando os seus significados e a falta de consenso entre os linguistas quanto à sua origem.

 

© Rua Onze. Blog

publicado por blogdaruanove às 15:17

Maio 01 2009

 

Detalhe de uma xilogravura ōban, de Kunichika Toyohara (1835-1900), produzida cerca de 1860.

 

Juntamente com o kakemono (o dobro deste tamanho, na vertical, mas com a mesma largura), o formato  ōban (aproximadamente 39 x 26 cm.) foi o mais comum durante os séculos XVIII e XIX, período em que a gravura atingiu o seu auge e foi a expressão favorita de inúmeros artistas japoneses, muitos deles aclamados hoje universalmente pela sua notável mestria, quer a nível técnico quer a nível composicional.

 

O termo ukiyo-e (literalmente, imagens do mundo flutuante, um mundo evanescente e idílico afastado das agruras da vida real) designa de uma maneira genérica todas as imagens (gravuras e pinturas) que traduzem o quotidiano nipónico entre os séculos XVII e XX, mas também as suas lendas, as suas paisagens e as tradições japonesas anteriores à ocidentalização.

 

Nesta gravura, note-se a expressividade dos olhos do samurai, característica bem patente e largamente divulgada ainda hoje nos manga, revistas de quadradinhos, e desenhos animados de origem japonesa.

 

Para um pequeno texto sobre este último aspecto consulte: http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/67314.html.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 21:49

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...
mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


posts recentes

Eisen

Ukiyo-e

subscrever feeds
blogs SAPO