Rua Onze . Blog

Maio 15 2009

 

Inaugura-se amanhã em Vierzon, França, uma exposição sobre a produção cerâmica da fábrica Denbac. Vierzon, pequena cidade geminada com Barcelos, albergou durante décadas esta empresa que, muito discretamente, quase anonimamente, como ainda hoje, legou às artes decorativas notáveis exemplares de cerâmica nos estilos Art Nouveau e Art Déco.

Consulte uma pequena nota sobre a fábrica Denbac e veja mais alguns exemplares da sua produção aqui: http://blogdaruaonze.blogs.sapo.pt/75345.html; e aqui: http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/tag/denbac.

 

          

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 00:41

Março 23 2009

 

Um apurado sentido da estética contemporânea e uma grande perícia como ceramista  foram características fundamentais para estabelecer e desenvolver a qualidade e a celebridade, restrita ainda hoje a um círculo específico de especialistas e coleccionadores, das peças produzidas em grés por René Denert (1872-1937).

 

 

Fundada em 1909, em Vierzon, França, já no período de declínio criativo do estilo Art Nouveau, a fábrica Denbac consagrou grande parte do seu tempo à produção de exemplos notáveis e singulares de peças cerâmicas decorativas que epitomizam perfeitamente este movimento.

 

As quatro peças aqui reproduzidas ilustram, embora de forma incompleta, o aspecto ecléctico das formas e dos vidrados desenvolvidos por Denert dentro do estilo Art Nouveau, bem como o grande sentido escultórico que imprimiu ao seu trabalho.

 

 

Utilizando quer vidrados mates quer brilhantes, ou uma combinação dos dois, mas com acentuada preferência pelos primeiros, Denert desenvolveu peças onde a estilização do figurativismo vegetal se combina com os microcristais escorridos para conceder à obra cerâmica uma harmonização simultaneamente discreta e feérica, em particular quando  a luz incide fortemente sobre o vidrado e faz cintilar a sua componente cristalina.

 

A utilização de microcristais no vidrado – técnica frequente durante o final do século XIX e princípios do século XX em fábricas como Pierrefonds, Sarreguemines e Sèvres, em França, Royal Copenhagen, na Dinamarca, Ruskin, em Inglaterra, Fulper e Roseville, nos E.U.A., e muitas mais, assumiu na fábrica Denbac uma expressão singular precisamente devido ao sentido e à harmonia escultórica que Denert desenvolveu nas peças que serviam de suporte ao vidrado microcristalino.

 

Consulte mais aspectos relacionados com a fábrica Denbac em http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/379495.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/search/?q=denbac&p=1.

 

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 16:41

Março 19 2009

Notícia publicada no Almanaque Ilustrado de Fafe para 1939.

 

Evocação de Carlos José Cabral (1895-1968, conde de Vizela), visionário que promoveu a construção da Casa de Serralves, paradigma da Art Déco em Portugal, no momento em que se prepara uma exposição dedicada à decoração original da casa, a Émile-Jacques Ruhlmann (1879-1933) que desenhou muito do seu mobiliário e dos seus interiores, e à Art Déco. (cf. http://www.serralves.pt/)

 

Photo © A. Hoffmann

 

Jarra produzida pela fábrica Denbac, França, na década de 1920, com detalhe do quadro Self-Portrait (Tamara in the Green Bugatti), pintado em 1925 por Tamara de Lempicka (1898-1980).

 

© Rua Onze . Blog


Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...
mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


subscrever feeds
blogs SAPO