Rua Onze . Blog

Janeiro 04 2010

 

Conjuntamente com a Aleluia, de Aveiro, e a Fábrica de Loiça de Sacavém, a Secla, das Caldas da Rainha, foi uma das grandes empresas inovadoras do design cerâmico português no início da segunda metade do século XX.

 

A taça aqui apresentada foi executada por Hansi Staël (1913-1901) cerca de 1954-55, constituindo um dos mais notáveis exemplos da produção da autora e da fábrica.

 

Uma peça similar a esta foi reproduzida na capa do livro A Nova Cerâmica das Caldas (1989), de Alberto Pinto Ribeiro (1921-1989), designer e responsável pela fábrica Secla, sendo posteriormente exibida na exposição Estúdio Secla: Uma renovação na cerâmica portuguesa, realizada em 1999 no Museu Nacional do Azulejo.

 

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 23:51

Dezembro 21 2009

Conjunto de pires e chávena em porcelana desenhado por Maarten Vrolijk (n. 1966) na década de 1990.

 

Fundada na Alemanha em 1879, como um estúdio de pintura em cerâmica, a fábrica Rosenthal apenas começou a produzir a sua própria pasta de porcelana em 1891.

 

A qualidade do seu design ficou consolidada, e atingiu consagração internacional, com a criação em 1903 do formato Botticelli, para um serviço de mesa. Ícone do Jugendstil (designação que significa literalmente estilo novo e corresponde à expressão francesa Art Nouveau), este formato foi acompanhado de um outro, Donatello, que se revelou um sucesso ainda maior e foi amplamente reproduzido por inúmeras fábricas, entre as quais a Vista Alegre.

 

 

Conjunto de chávena e pires em porcelana desenhado por Lino Sabattini (n. 1925) na década de 1990.

 

Desenvolvendo ao longo da primeira metade do século XX uma vasta gama de peças de notável valor estético, quer em serviços de mesa quer em peças decorativas, foi contudo no final da década de 1950 que a fábrica deu um passo decisivo para hoje ter a sua produção cerâmica reconhecida como um paradigma incontornável do design contemporâneo e de vanguarda.

 

Esse passo resultou na criação, em 1961, de uma série de peças agrupadas sob a designação Rosenthal studio-linie, sinónimo do empenho da administração no contínuo desenvolvimento de linhas contemporâneas que pudessem contribuir para maior projecção da empresa.

 

Tal empenho num design, estética e funcionalmente, inovador é ainda hoje uma das suas imagens de marca e uma das razões da sua consagração. Para mais informações sobre a empresa e a sua produção cf. http://www.rosenthal.de/.

 

Mostruário de cores a alto fogo para serviços de hotelaria.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 23:59

Dezembro 07 2009

 

Fundada em 1864 na localidade homónima, a fábrica começou a produzir esculturas decorativas em porcelana na viragem do século, tendo até então produzido, como diversas fábricas alemãs, cabeças de bonecas e outras peças decorativas.

 

As esculturas da empresa atingiram particular relevância, pela sua modelação, no período que decorreu entre as duas Grandes Guerras, o qual, como se sabe, coincidiu com o período Art Déco. Embora relativamente clássica, a peça reproduzida denota uma ligação a esse período através do robe de chambre com influências orientais, particularmente no forro interior amarelo.

 

Tendo ficado integrada no território da República Democrática Alemã depois da II Grande Guerra, a empresa veio a ser nacionalizada em 1958. Acabou por encerrar em 1990, depois da reunificação alemã.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 11:53

Novembro 27 2009

 

 

"... E vi um velho vestido como estavam os outros Bem-Aventurados."

Paraíso, Canto XXXI

 

Homenagem ao pintor, ilustrador e ensaísta Lima de Freitas (1927-1998; cf. http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245638.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245105.html), nos vinte e cinco anos da criação desta notável série para as colecções Philae (http://www.philae.pt/index.html).

 

Constituída por nove pratos em porcelana da SPAL (http://www.spal.pt/), a série evoca passagens da Divina Comédia, de Dante Alighieri (1265-1321).

 

© Rua Onze . Blog


Novembro 26 2009

 

  

"Sentindo as asas verdes fender o ar a serpente fugiu..."

Purgatório, Canto VIII

 

Homenagem ao pintor, ilustrador e ensaísta Lima de Freitas (1927-1998; cf. http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245638.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245105.html), nos vinte e cinco anos da criação desta notável série para as colecções Philae (http://www.philae.pt/index.html).

 

Constituída por nove pratos em porcelana da SPAL (http://www.spal.pt/), a série evoca passagens da Divina Comédia, de Dante Alighieri (1265-1321).

 

© Rua Onze . Blog


Novembro 25 2009

 

 

"... Virgílio, segurando a mulher, rasgou-lhe as vestes e descobriu-lhe o ventre."

Purgatório, Canto XIX

 

Homenagem ao pintor, ilustrador e ensaísta Lima de Freitas (1927-1998; cf. http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245638.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245105.html), nos vinte e cinco anos da criação desta notável série para as colecções Philae (http://www.philae.pt/index.html).

 

Constituída por nove pratos em porcelana da SPAL (http://www.spal.pt/), a série evoca passagens da Divina Comédia, de Dante Alighieri (1265-1321).

 

© Rua Onze . Blog


Novembro 24 2009

 

 

"... começou a gritar a horrenda boca na qual fala mais doce não cabia."

Inferno, Canto XXXI

 

Homenagem ao pintor, ilustrador e ensaísta Lima de Freitas (1927-1998; cf. http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245638.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245105.html), nos vinte e cinco anos da criação desta notável série para as colecções Philae (http://www.philae.pt/index.html).

 

Constituída por nove pratos em porcelana da SPAL (http://www.spal.pt/), a série evoca passagens da Divina Comédia, de Dante Alighieri (1265-1321).

 

© Rua Onze . Blog


Novembro 23 2009

 

A fábrica Royal Dux, também conhecida como Duxer Porzellanmanufaktur, foi fundada em 1853 em Duchcov, e daí a designação, localidade que hoje pertence à República Checa.

 

Tornou-se famosa pela grande qualidade da modelação e da pintura das figuras e estatuetas de porcelana que produziu entre as duas Grandes Guerras, de que a peça reproduzida é um exemplo. 

 

Apresentando o carimbo já correspondente à Checoslováquia, que a cidade de Duchcov passou a integrar depois de 1918, e o famoso triângulo rosa em relevo com a marca da fábrica, esta peça de médias dimensões foi provavelmente produzida na década de 1920.

 

Actualmente, esta empresa integra o grupo Český Porcelán: http://www.cesky.porcelan.cz/eng/index.php.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 22:57

Novembro 23 2009

 

"... recebe-os na barca e com o remo bate naqueles que se atrasam."

Inferno, Canto III

 

Homenagem ao pintor, ilustrador e ensaísta Lima de Freitas (1927-1998; cf. http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245638.html e http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/245105.html), nos vinte e cinco anos da criação desta notável série para as colecções Philae (http://www.philae.pt/index.html).

 

Constituída por nove pratos em porcelana da SPAL (http://www.spal.pt/), a série evoca passagens da Divina Comédia, de Dante Alighieri (1265-1321).

 

© Rua Onze . Blog


Novembro 16 2009

 

A tradição de figuras em porcelana desenvolvida na Alemanha, desde o século XVIII, pela fábrica Meissen reflectiu-se em inúmeras outras fábricas do país ao longo dos dois séculos subsequentes.

 

Criadas nos ateliers de arte destas fábricas, e daí a designação kunst ou kunst abteilung adicionada às respectivas marcas, estas peças exibem na sua maioria grande perfeição de modelagem, tendo sido não raras vezes criadas por modeladores ou escultores consagrados.

 

A peça reproduzida foi realizada numa fábrica fundada em 1763 (1764, segundo o site oficial da empresa, que se reporta ao ano de obtenção de licença de produção) sob a designação Hamannn & Greiner, à qual se sucederam diversas outras designações, sendo hoje em dia conhecida como Wallendorfer Porzellanmanufaktur (http://www.wallendorfer-porzellan.de/).

 

Entre 1926 e 1952 a fábrica denominou-se Porzellanmanufaktur Schaubach-Kunst, período em que foi produzida esta peça. Apesar de a composição apresentar uma imagem dos populares putti de séculos anteriores, a presença do galgo borzoi permite-nos identificar esta escultura como sendo característica do período Art Déco.

 

© Rua Onze . Blog

publicado por blogdaruanove às 20:23

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...
mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


blogs SAPO