Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Schaubach

blogdaruanove, 16.11.09

 

A tradição de figuras em porcelana desenvolvida na Alemanha, desde o século XVIII, pela fábrica Meissen reflectiu-se em inúmeras outras fábricas do país ao longo dos dois séculos subsequentes.

 

Criadas nos ateliers de arte destas fábricas, e daí a designação kunst ou kunst abteilung adicionada às respectivas marcas, estas peças exibem na sua maioria grande perfeição de modelagem, tendo sido não raras vezes criadas por modeladores ou escultores consagrados.

 

A peça reproduzida foi realizada numa fábrica fundada em 1763 (1764, segundo o site oficial da empresa, que se reporta ao ano de obtenção de licença de produção) sob a designação Hamannn & Greiner, à qual se sucederam diversas outras designações, sendo hoje em dia conhecida como Wallendorfer Porzellanmanufaktur (http://www.wallendorfer-porzellan.de/).

 

Entre 1926 e 1952 a fábrica denominou-se Porzellanmanufaktur Schaubach-Kunst, período em que foi produzida esta peça. Apesar de a composição apresentar uma imagem dos populares putti de séculos anteriores, a presença do galgo borzoi permite-nos identificar esta escultura como sendo característica do período Art Déco.

 

© Rua Onze . Blog

Sem Comentários - Postais Art Déco

blogdaruanove, 24.10.09

 

Bilhete postal com ilustração de Xavier Sager (1870-1930), circulado em Julho de 1917 das posições do C.E.P., França, para a Guarda.

 

Sendo um desenho de transição entre a Art Nouveau e a Art Déco, evoca, nas cores e na sinuosidade Art Nouveau, a obra do pintor e figurinista dos Ballets Russes Leon Bakst (1866-1924).

 

© Rua Onze . Blog

Paul Jacquet

blogdaruanove, 19.10.09

 

O ceramista Paul Jacquet (1883-1968) começou a decorar cerâmica nas fábricas e olarias da região francesa de Savoie cerca de 1910, tendo instalado o seu próprio estúdio em 1918, na cidade de Annecy.

 

A sua gramática decorativa, em ruptura com a decoração tradicional da região, cedo se aproximou do estilo hoje conhecido como Art Déco, facto que motivou encomendas da conhecida empresa Primavera, com a qual colaborou entre 1920 e 1925.

 

Inciando a sua decoração característica com motivos florais estilizados, passou numa fase posterior a utilizar modelos geométricos, numa produção que manteve um equilíbrio entre estas duas componentes até ao encerramento da fábrica, em 1959.

 

 

© Rua Onze . Blog

Art Déco na Fundação Calouste Gulbenkian

blogdaruanove, 19.10.09

 

Detalhe de um alfinete de peito Art Déco, em bronze, esmalte e baquelite, provavelmente produzido nos Estados Unidos na década de 1930.

 

Na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, abriu ao público, na passada sexta-feira, 16 de Outubro, uma exposição sobre Art Déco que poderá ser visitada até 3 de Janeiro de 2010: http://www.gulbenkian.pt/index.php?section=8&artId=2024.

 

© Rua Onze . Blog

Sem Comentários - Art Déco em Portugal

blogdaruanove, 18.10.09

 

Pequenas esculturas em porcelana produzidas na fábrica Electrocerâmica do Candal, Vila Nova de Gaia, na década de 1930 ou 1940.

 

Estas peças são claramente inspiradas nas figurinhas em faiança desenvolvidas pela freira M. J. (I) Hümmel (1909-1946; http://www.mihummel.com/) para a fábrica alemã Goebel e actualmente a serem produzidas pela fábrica Rödental (http://www.manufaktur-roedental.de/).

 

 

© Rua Onze . Blog