Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Viseu em 1915 (V)

blogdaruanove, 20.02.09

Vizeu      Cava de Viriato

Bilhete postal do início do século XX.

Edição da Tabacaria Costa - Viseu. 

 

"Vizeu tem direito a ser uma terra de turismo, e estou convencido de que o será, desde que se torne conhecida. Já é regularmente servida de comboios, tem um Hotel que nada deixa a desejar, e oferece á curiosidade do forasteiro, para o entreter durante horas, lindos aspectos da natureza, e raros objectos d'Arte.

Vamos de corrida a Fontello, onde ha uma opulenta mata de castanheiros, e um trecho de jardim, que para ser encantador não precisa senão de alguns cuidados inteligentes, entregue a quem tenha pelas flores o culto que elas merecem. E ainda de corrida vamos de romagem á Cava do Viriato, um legendario barbaças que fez proezas na Beira, ha muitos seculos, ainda o Cristo não era nascido, e bivacou aqui, dizem as cronicas, sempre vencedor contra os romanos, que o fizeram matar á traição, peitando homens da sua entourage. Hoje a Cava, de forma polygonal, é propriedade de varias gentes, uma especie de grande horta com moradias, cheia de milho, feijão, couves... e tradições. Subsistem tres lados apenas do octogono primitivo, um deles convertido em larga Avenida, cheia de sombra, [sic] que as árvores d'um lado e outro, muito altas e muito frondosas, tocam se [sic] formando abobada."

 

in Brito Camacho (1862-1934), Jornadas (1927).

 

© Rua Onze . Blog

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.