Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Rua Onze . Blog

Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...

Quimper

blogdaruanove, 29.06.09

 

Fundada em 1699 por Jean-Baptiste Bousquet, em Quimper, França, a fábrica adoptou o nome da localidade, ao qual se vieram a a adicionar, mais tarde, as iniciais HB, conjugando uma inicial do apelido do fundador e uma inicial de um dos posteriores donos, Hubaudière.

 

A fábrica celebrizou-se ao longo dos séculos XVIII e XIX pela decoração de inspiração figurativa e regional nas suas peças de faiança, mas atingiu particular notoriedade com a produção de grés Art Déco, de que a jarra apresentada é um exemplo. Registada em 1922, esta série recebeu a denominação Odetta, tendo-se mantido em produção até 1960.

 

As primeiras peças experimentais Quimper HB Odetta apenas começaram a ser executadas em 1923, mas estiveram já largamente representadas em Paris na Exposition des Arts Décoratifs de 1925, onde obtiveram assinalável êxito. Esta exposição é hoje reconhecida como tendo consagrado não só o estilo como também originado a designação Art Déco, a qual foi adoptada por diversos autores a partir da década de 1960.

 

A produção Odetta iniciou-se em maior escala a partir de Março de 1926, aproveitando algumas vezes anteriores formatos existentes na produção em faiança. Quando coexistiam formas em faiança e grés, como é o caso desta, a peça em grés recebia um "g" inciso na base, uma vez que as temperaturas de cozedura exigidas pelas duas pastas cerâmicas são diferentes.

 

© Rua Onze . Blog

Teatros em Lisboa

blogdaruanove, 29.06.09

Capa de L. Alves (datas desconhecidas).

 

De acordo com Lourenço Rodrigues (1898-1975), na sua obra Cantinho da Saudade (1962), para além do teatro S. Carlos, Lisboa dispunha de 17 casas de espectáculos em 1912 – Apolo, Avenida, Coliseu dos Recreios, Estefânia-Terrasse, Fantástico, Ginásio, Infantil do Rossio, Moderno, Paraíso de Lisboa, Rossio Palace, Rua dos Condes, República, Salão dos Anjos, Teatro Edison, Teatro Étoile e Trindade. Nesse ano apresentaram-se em Lisboa oito revistas

A não ser que o espaço tenha entretanto encerrado, a lista anterior está obviamente incompleta, uma vez que não refere o Teatro das Variedades, onde em 1911 se representou a revista O Pai Paulino.

 

 

© Rua Onze . Blog

A Dança Judenga (VI)

blogdaruanove, 29.06.09

 

   Na mesa mais comezinha,

   Campava o fiel-amigo;

   Agora – sorte mesquinha –

   O pobre chama-lhe um figo!...

   Mais caro do que a gallinha!

 

Raimundo António de Bulhão Pato (1829-1912), A Dança Judenga (1901).

 

 

© Rua Onze . Blog