Rua Onze . Blog

Maio 14 2009

 

 

   Ora bem, esta é a história do grande sino no Ta-chung sz’, tal como se encontra no Pe-Hiao-Tou-Choue, que foi escrito pelo culto Yu-Pao-Tchen, da Cidade de Kwang-tchau-fu (4).

   Há aproximadamente quinhentos anos, o Celeste Augusto, o Filho do Céu, Yong-Lo, da “Ilustre” dinastia, a dinastia Ming, ordenou ao seu digno funcionário Kouan-Yu que fizesse um sino com tal dimensão que a sua voz pudesse ser ouvida a cem li (5) de distância. E ordenou também que a voz do sino fosse reforçada com latão, e aprofundada com ouro, e adoçada com prata. E que a sua face e os grandes rebordos fossem gravados com frases abençoadas dos livros sagrados. E que o sino fosse suspenso no centro da capital imperial, para soar através dos coloridos caminhos da cidade de Pequim.

 

© Rua Onze . Blog 


De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Aki ó-matsu Hito ó-mayowasu Momiji-kana!...
mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






subscrever feeds
blogs SAPO